POEMA



A MANGUEIRA DO CANAL

(Lacy Carvalho)

Quem teve uma infância legal
Tem muita história pra contar
Pulava lá da ponte do canal
Quem vivenciou vai  lembrar
Comia manga verde com sal
E ontem eu voltei pra recordar

Quem não lembra do riacho?
Aquela mulher  lavadeira
Do passadiço lá em baixo
O velame e a catingueira
A manga grande no cacho
Eu derrubava de baladeira

Aquela mangueira do canal
Vizinho o de João Maciel
Confundindo  o coqueiral
No galho um inchu de mel
Por trás o tronco de juremal
Que eu descrevo no papel 

Nenhum comentário:

Postar um comentário